(série esporádica de posts despretensiosos sobre histórias inusitadas, em ordem descontínua, de minha vida pacata) (texto originalmente publicado no Mondo Redondo, em 15/01/2004) O serviço extra (famoso bico), que eu fora fazer em um residencial afastado alguns kilometros do perímetro urbano, não estava dando muito certo. Quando finalmente abandonei a casa do cliente, prometendo volta noRead more »

(ou o meu lado negro) (série esporádica de posts despretensiosos sobre histórias inusitadas, em ordem descontínua, de minha vida pacata) (texto originalmente escrito em 24/04/2005) Como todo homem, eu já levei meus foras. No meu caso em específico, graças a meu físico avantajado (em volume), eles foram muitos, de todos os tipos. Alguns traumáticos, devido a formaRead more »

(série esporádica de posts despretensiosos sobre histórias inusitadas, em ordem descontínua, de minha vida pacata) (texto originalmente escrito em 25/01/2005) “Kibon” era tomar sorvete Yopa e, com sorte, encontrar um palito premiado. Pegar a Caloicross e correr pra 1Sergel pra trocar por outro sorvete. E quando não tinha palito premiado, comprar sorvete com 2passe deRead more »

(série esporádica de posts despretensiosos sobre histórias inusitadas, em ordem descontínua, de minha vida pacata) (texto originalmente escrito em 24/01/2005) Enquanto o lombo pendia para os céus, pós cirurgia (vide primeiro post da série), as coisas sucediam em minha vida. Incrível como aquele período me afetou, direta e indiretamente. Passei a maior parte do tempoRead more »

A foto acima resume bem o final de semana, especialmente o domingo de churras em dia de derby, para celebrar ao noivado dos cunhadinhos. Parabéns Welington e Aline! 🙂 Os palmeirenses eram maioria esmagadora em casa, mas só eu gritei gol, com Bruno César, um dos três melhores em campo, junto com Elias e JulioRead more »

No meu antigo blog eu cheguei a escrever cerca de uma dezena de textos numa série a qual dei o nome de My Wonder Years, e a descrevia como uma série esporádica de posts despretensiosos sobre histórias inusitadas, em ordem descontínua, de minha vida pacata. Resolvi transpor os textos dessa série pra cá, um porRead more »

O Altas Horas estava show de bola, na madrugada de sábado pra domingo. Dave Matthews e Regina Spektor, só com voz, violão e teclado, chegaram a arrepiar! E o Serginho é realmente um comunicador diferenciado. Há quem não goste do estilo, mas é raro ver um entrevistador puxar assuntos tão interessantes com estrelas da músicaRead more »

De Domingo a Quarta-feira desta semana, estive em Águas de Lindóia participando do 9º Geinfo – evento de integração e troca de experiências dos profissionais de TI da USP (e alguns da Unicamp também). Lá, apresentamos um painel sobre o trabalho em que estive envolvido nos últimos dois anos, a Biblioteca Digital de Cartografia HistóricaRead more »

O Sport Club Corinthians Paulista completa neste 1º de Setembro 100 anos de existência. É claro que eu não poderia deixar de falar sobre isso extensamente aqui, e quem me conhece sabe disso. Mas por mais que eu tente, não consigo traduzir em palavras toda a paixão e todo o orgulho que sinto pelo AlvinegroRead more »

Eu gosto muito do formato revista (em papel mesmo). Acho uma leitura prática, boa para ser feita circustancialmente, diferentemente de livros que exigem tempo e continuidade (mas claro que também gosto deles). Muita gente argumenta que o que sai em revista “tem tudo na Internet, e de graça”. É verdade, mas o notebook é umRead more »

« Página anterior