Feriadão ainda não acabou, mas os acontecimentos esportivos do fim de semana merecem destaque.

  • Vitória a la Corinthians! Estive no Pacaembu no Sábado. Lotado! Era o típico jogo em que uma vitória de 1 x 0, com gol de pênalti aos 40 do segundo tempo, seria goleada. E foi exatamente assim! O time não jogou bem, mas ganhou. Com o Tite é assim. E tá ótimo!
  • Arbitragem exemplar. Sandro Meira Ricci deixou de marcar um penalti que qualquer um marcaria, mas que realmente não foi, e marcou um que, embora tenha ocorrido de verdade, poucos teriam coragem de anotar. Acertou os dois lances capitais do jogo. E agora é condenado por cumprir a regra? Houveram outros erros. Dois impedimentos malucos, por falha de posicionamento do bandeira, e duas faltas não marcadas, fora da área. Não dá pra dizer que a arbitragem influenciou no resultado. Acertou os lances capitais e mais difíceis.
  • Põe no Blue-ray. Conforme crescem as possibilidades de conquista do título pelo Corinthians, aumentam as teorias conspiratórias e a tentativa patética e mal caráter de todos os anti-corinthianos em desmerecer nossas conquistas. Criou-se uma campanha nefasta e maciça na mídia para colocar em suspeita as vitórias corinthianas. Ignora-se, no entanto, as diversas vezes em que o clube foi prejudicado, inclusive contra o próprio Cruzeiro, no primeiro turno. Aliás, o time mineiro protagonizou as mais patéticas manifestações do futebol nos últimos anos com atitudes amadoras, anti-éticas e desprovidas de razão. Cuca chorou, bateu na mesa… Mas é o mesmo Cuca de sempre. Roger quis fazer insinuações, o mesmo jogador mal caráter que passou pelo Parque São Jorge, fez panelinhas, se ausentou de jogos importantes, desperdiçou penalti de propósito para derrubar técnico, entre outras coisas. Que moral tem um jogador desses pra falar qualquer coisa?
  • Depende de nós. Com o tropeço do Fluminense diante do vice-lanterna Goiás, que melhorou muito depois da saída do Jorginho (se cuida Porcada), o Timão voltou a depender de suas próprias forças para ser campeão. Mas não dá pra dizer que é favorito. Tem três jogos muito difíceis pela frente. O pior deles no próximo Domingo, contra o Vitória desesperado (corre sério risco de rebaixamento), lá no Barradão. Não vai ser fácil! Mas se conseguir se manter na liderança para as duas rodadas finais, o penta fica próximo, muito próximo!
  • Como é que se diz freguês em russo? Porque é como o time feminino de volei deles deve tratar a seleção do Zé Roberto. Não vou criticar, porque as meninas do Brasil jogaram demais nesse mundial, e a virada contra o Japão foi simplesmente sensacional! Faltou concentração. E sobrou volei pras russas. E altura. Jogaram demais! Gamei na Gamova. Só lamento pela Sheila. Pra mim, a melhor jogadora de volei que o Brasil já teve, e que com 31 anos pode não estar no próximo mundial. Certamente não estará em seu auge, que me parece ser agora.
  • Alonso perdeu perdendo. O título de pilotos e de construtores da Fórmula 1 ficou bem entregue a Vettel e à Red Bull, respectivamente. Alonso e a Ferrari não mereciam isso, de forma alguma. E Alonso fez questão de justificar isso logo após o término do GP de Abu Dhabi. Foi reclamar com Petrov que não o deixou passar. Só que Petrov não era retardatário e nem sequer era da mesma equipe do Alonso! O que esse espanhol pensa da vida? Acostumou-se com tramóias de bastidores e esqueceu como se ganha uma corrida honestamente?
  • Red Bull vai dominar o mundo! Ou pelo menos, o mundo esportivo. Eu afirmo isso há anos e os resultados impressionam. Na F1, já conquistaram tudo quanto possível (mundial de pilotos e de construtores). No futebol, já possuem vários times pelo mundo. E não é que patrocinam esses times, os times são deles mesmo! O RBB (Red Bull Brasil), time de futebol da empresa no Brasil, passeou na Série A3 esse ano, e agora está na final da Copa Paulista! Eles ainda tem times nos Estados Unidos, na Áustria, e equipes, ou até mesmo campeonatos com o nome deles em diversas categorias de esportes a motor. Eu hein!

anderson

2 Responses to “Drops do fim de semana esportivo”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *