Fiquei muito tempo (meio mês) evitando o assunto futebol por aqui, por dois motivos básicos:

  1. A fase do Corinthians não anda muito animadora pra ficar tratando do assunto. Claro que continuo acompanhando, torcendo, mas, né… É uma fase “sem comentários”. Tá feia a coisa.
  2. Depois que comentaram que meu blog “pra quem gosta de futebol é um prato cheio”, eu fiquei constrangido e fiz uma autocrítica de que o blog estava ficando monotemático mesmo. Aliás, bitemático, porque eu também venho falando bastante de política, mas como é outro assunto problemático…

O resultado dessa tentativa de mudança foi: dois textos em duas semanas. Então, enquanto não aparece assunto mais interessante, e antes que esse espaço caia no esquecimento também, vamos lá…

O Corinthians ganhou apenas 2 (dois) pontos dos últimos 15 (quinze) disputados. Saiu da liderança para a 3ª colocação, e ainda tem que agradecer a São Jorge pelo desastre na tabela não ter sido maior.

Adílson foi demitido. Justo? Bom, só pelo fator Thiago Heleno, sim, foi justo.

Fator Thiago Heleno: o zagueiro ex-Cruzeiro foi o único jogador indicado pelo Adílson e contratado pela atual diretoria, antes do encerramento da “janela de transferências” e do período de inscrições de novos jogadores no Brasileirão. Esteve no time titular nos últimos 4 jogos, mesmo quando haviam outras opções (no último jogo, por exemplo, poderia ter jogado o Paulo André, ou até mesmo o Chicão, que voltava de lesão). Cometeu erros absurdos, e só não foi pior que o Moacir – velho conhecido da Fiel por enterrar o time na Libertadores desse ano, e agora também no Brasileirão.

Outro erro crasso do ex-técnico do Timão foi o posicionamento do Bruno César. Contratado para resolver o maior problema do time desde a saída do Maestro Douglas, em 2009, o “Tevez do ABC” vinha dando conta do recado na armação do time. Mas, inexplicavelmente, Adílson começou a escalá-lo de PONTA! Resultado óbvio: o time ficou sem armação no meio campo.

Pela burrice, e pela insistência na burrice, sim, o Adílson mereceu ser demitido (sim, ele, de fato, foi demitido, não pediu demissão). O problema é que agora vejo muito corinthiano achando que, pronto, nossos problemas estão resolvidos, e hoje o time que tem Iarley e Souza no ataque vai desandar a fazer gol.

NÃO! Não vai. O elenco é muito ruim! E o DM (Departamento Médico, mas pode incluir aí fisiologia, fisioterapia, preparação física e etc) é ridículo! Cometeram o absurdo de liberarem Ralf e Dentinho (esse com mais de um mês de atraso em relação a previsão dada por eles mesmo) e, com poucos minutos de jogo, esses jogadores sentirem a mesma lesão! É muito amadorismo!

Com os principais jogadores no estaleiro, e as previsões de retorno sempre iniciando em 15 dias, e prorrogando-se por meses, ficou evidente o que eu já vinha falando aqui desde Agosto: o elenco do Corinthians é uma porcaria! E jogaram o campeonato no lixo ao não trazerem NO MÍNIMO dois atacantes de qualidade.

E aí, caro colega corinthiano, não adianta ter o José Mourinho no banco, se for pra ele optar entre Moacir e Boquita, ou pra ele arrumar o meio campo para armar as jogadas para Iarley e Souza. Não vai resolver…

anderson

4 Responses to “O problema do Corinthians”

  1. Ou seja, o blog ficou desatualizado pq vc não tinha outros assuntos além de futebol e poilítica hahahha
    Aii And só vc!!!

    Eu poderia dizer que a culpa disso tudo é da Dilma, NOT! não quero perder o amigo calma! hahaha, então acho justo dizer que a culpa é do Corinthians (melhorou?).

    Se um dia eu resolver gostar de futebol, já sei que blog vou ler kkkk…

    Conitnue interagindooo…

    Bjinho

  2. Cara, muito bom o seu blog e como corinthiano fanático, sou obrigado a concordar com vc em quase tudo!

    O quase fica por conta do posicionamento do Bruno Cesar. Acho que ele continua atuando na meia, porém de lado invertido e penso que essa foi a unica coisa certa que o Pardal fez. Antes do BC se lesionar, o time estava criando ótimas oportunidades de gol.

    O problema é que não temos quem empurre a bola pra dentro. Iarley e Souza são péssimos!

    E nossa defesa é uma verdadeira mãe. Só temos um zagueiro bom em todo o elenco, que é o Chicão.

    Até o William tem se apresentado lento e sem tempo de bola!

    Parabéns pelo blog….parece até que estava prevendo o que ia acontecer no jogo contra o Vasco!

    Abraço

    Icaro

    • Cara, pior que não parece, eu realmente estava prevendo o que ía acontecer. Mas não que eu seja algum vidente, é que era meio óbvio mesmo.

      Mas calma, pode piorar. Estão falando em Tite! Valha-me!

      Valeu pelos elogios ao blog. 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *